Os dados de como os usuários encontram um site e como o conteúdo aparece nos resultados do Google eram exibidos no relatório de Consultas de Pesquisas, no Webmaster Tools.

Mas o Google acaba de lançar o Search Analytics, novo relatório de análise de pesquisas, que permite analisar os dados com mais detalhes e adicionar filtros diferentes para entender melhor o comportamento dos usuários. Dá para comprar o tráfego de muitas formas diferentes, inclusive com os dados antes da atualização de 21 de abril, sobre busca mobile.

googleanalytics

Há muitas comparações que podem ser feitas com a mudança da ferramenta para deixar os dados mais precisos e de acordo com o seu mercado.

É possível filtrar informações retroativas a três meses. Dá para filtrar consultas de palavras, páginas, comparar URLs, países, quais os dispositivos que acessam páginas e tipos de pesquisa (imagem, web, vídeo), e volume de consultas dos diferentes canais, datas específicas, cliques, impressões e as clássicas informações de posicionamento na página.   Agora também é possível filtrar os resultados por países, muito útil para quem trabalha com turismo, por exemplo.

webmastertools

Os relatórios antigos ainda ficarão disponíveis por três meses.

Compartilhe...Email this to someoneTweet about this on TwitterShare on Google+Share on FacebookShare on LinkedIn