O Waze já conquistou os usuários pelo mundo e também no Brasil. São 50 milhões de pessoas dirigindo pelo mundo wazeadscom o aplicativo colaborativo. O Brasil é o segundo país com maior número de usuários, depois dos Estados Unidos, com 6 milhões de brasileiros dirigindo com frequência junto com o app. A maioria são homens (65% dos usuários), com idade entre 25 e 40 anos.

O Waze agora está conquistando os anunciantes. No evento dessa semana organizado pela Proxxima, a Commercialization Lead do Waze, Sara Hall, revelou que desde 2013, o número de marcas presentes no aplicativo cresceu 304%. A presença de pequenos negócios aumentou 180% e as renovações de contratos cerca de 60%. São bons números para o aplicativo, que mostram o crescimento da publicidade geolocalizada, tendência cada vez maior nos próximos anos.

aparecernowaze

Samsung e Bradesco já anunciaram.

O número de usuários do app cresceu 200% em 2014 e cada pessoa permanece em média 5 horas por mês com o aplicativo ligado, rodando cerca de 150 quilômetros. O Waze quer aumentar esse número, investindo em informações sobre o clima, vagas de estacionamento e outras leituras. Fez ações como o Connect Citizen Program, cuja parceria com a cidade do Rio de Janeiro foi para melhorar o trânsito da cidade. O Waze é social (diferente do Google Maps), porque é colaborativo, tem avatares, uma rede de contatos e atualizações em tempo real, por isso fez tanto sucesso.

Como aparecer no Waze com minha marca?

Cadastrar a empresa no Google Meu Negócio e no Foursquare ajuda o endereço a ser encontrado nas buscas orgânicas. Mas garantia de aparecer somente com anúncio.

Anúncio no Waze

A Fiat aproveitou para dar dicas para os usuários.

Os anúncios são publicados no formato Custo Por Mil (CPM), ou seja, a cada mil impressões (visualizações do anúncio), é cobrado um preço e não por clique como acontece no Google Adwords. O anúncio tem validade de um mês e o mínimo para anúnciar é 50 dólares.

O custo individual das impressões depende do negócio, o próprio Waze faz a sugestão, porque depende do movimento na rua da cidade, relevância e concorrência.

As imagens tem um grande apelo – imagine anunciar um restaurante com um prato apetitoso perto do horário de jantar ou uma promoção para wazers de quarto com hidro no final de semana – e os anúncios tendem a dar mais resultado quando privilegiam os usuários do Waze no estabelecimento, com promoções do tipo: “usuário do Waze ganha sobremesa”. Telefone, horário de atendimento e categoria do negócio também aparecem.

O aplicativo oferece muitas possibilidades. Em outubro do ano passado, a Rio Quente Resorts fez uma ação em que os anúncios só apareciam no aplicativo quando o carro ficava parado mais de dois segundis, anunciando vantagens de se hospedar no resort no mês de janeiro. Foram selecionados 50 pontos geográficos estratégicos de trânsito intenso em capitais do país.

Ficou interessado? Entre em contato!

Compartilhe...Email this to someoneTweet about this on TwitterShare on Google+Share on FacebookShare on LinkedIn